quinta-feira, 10 de março de 2016

Viver no deserto

João Queiroz - sem título (2004)

É nas paisagens inóspitas, de natureza desértica, de onde a presença do homem foi banida, que o viandante encontra o lugar para a sua viagem. A vida do espírito é um abandono constante das rotas conhecidas e a procura de um território virgem para que um novo e singular caminho se possa traçar. Por isso, mesmo na cidade entre os homens, o viandante vive no deserto.