terça-feira, 16 de agosto de 2011

Poemas do Viandante

192. SPES (IV)

o corpo rasgado
a pele sulcada
pelas chuvas
de setembro
o cheiro do vinho
a arder
na névoa do passado

Sem comentários:

Publicar um comentário