sábado, 22 de agosto de 2015

Poemas do Viandante (519)

Roberto Domingo - O Moinho

519. ó branco e velho moinho

ó branco e velho moinho
rasga-me a memória

ergue-te sobre os campos
suspende o tempo

e conta-me p'lo caminho
a velha história

envolta em negros mantos
presa num lamento