domingo, 14 de dezembro de 2014

O caminho da restauração

JCM - Mitologias (Restauração) (2007)

A cultura ocidental assenta toda ela num estranho pressuposto, o da vida como um projecto de restauração. Herdada da cultura judaico-cristã, a narrativa vetero-testamentária da queda encontra nos textos neo-testamentários o seu complemento na ideia de restauração, em Cristo, do estado adâmico prévio à queda na condição humana. Num tempo em que as percepções de fim do mundo assediam a cultura ocidental, o retorno aos textos fundadores poderá abrir um outro caminho de meditação. A queda e a restauração são os constituintes de uma vida que ganha o seu sentido na tensão entre estes dois pólos. Se a queda parece não ter fim, então é preciso recordar a promessa da restauração.