terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Inspirar e expirar

Antonio Tápies - Inspiração - Expiração (1997)

Os ciclos vitais não são apenas estratégias biológicas para manutenção no homem da vida animal. São também a base da vida social e da sua aventura espiritual. Ao momento da inspiração, da aquisição e da vinda do novo, corresponderá o momento da expiração, da purificação e do abandono daquilo que é já matéria morta. Inspirar e expirar são a autêntica regula da vida espiritual.