terça-feira, 16 de setembro de 2014

Poemas do Viandante (475)

Egon Schiele - Sol de Outono (1912)

475. eis a estreita escada de pedra e cal

eis a estreita escada de pedra e cal
por ela virá o outono

para trás ficarão os dias luminosos
e um rasto de água

ficará o ramalhar sombrio das folhas
no bosque silencioso

e sobre a terra haverá nuvens e cânticos
o vinho que ninguém bebeu