sábado, 24 de fevereiro de 2018

Poemas do Viandante (673)

Julián García Flaquer - La carpa (1981)

673. enredada na rede a carpa

enredada na rede a carpa
debate-se
tragada pelo silêncio
escuta o
vento da vida
a soprar sempre mais
                               e mais longe
e adormece
no arquipélago mudo
da morte
rente ao rugido do pescador

(19/12/2016)