sábado, 8 de setembro de 2018

Naufrágios

Francis James Mortimor, Wreck of sailing ship Arden Craig, 1911

Quantas vezes nos salvamos de um naufrágio e, pensando estar a salvo, nos vemos náufragos sem colete de salvação nem barco salva-vidas? Há os naufrágios que nos acontecem e há o naufrágio que transportamos dentro de nós. Dos primeiro, por vezes, ainda podemos fugir. Do último, há que enfrentá-lo, pois ninguém pode fugir de si mesmo, do naufrágio que transporte em si. Aí começa a sabedoria.

Sem comentários:

Publicar um comentário